Quais as causas e como tratar manchas escuras nas axilas e virilhas?

Manchas escuras nas axilas e virilhas costumam incomodar algumas pessoas, especialmente agora no calor, quando usamos roupas curtas, biquínis e deixamos o corpo mais à mostra.

As manchas surge principalmente devido ao grande atrito que há nessas regiões. A pele fica mais espessa e inflamada, o que acaba estimulando a produção de melanina, levando ao seu escurecimento. Isso acontece especialmente em pessoas mais morenas, que têm tendência à hiperpigmentação.

Além disso, esse escurecimento pode ocorrer em pessoas com alergia a desodorantes ou que tiveram inflamação devido a depilação. Pacientes com diabetes, sobrepeso e síndrome metabólica também são mais acometidos

Com algumas medidas simples e diárias, podemos minimizar o atrito dessas regiões e prevenir o escurecimento. É importante manter a região bem arejada, investir na perda de peso e controle do diabetes (se presente) e evitar procedimentos agressivos, como a depilação com cera e lâmina, sobretudo na área da virilha e axila. Se a depilação não puder ser dispensada, invista em produtos calmantes e reparadores que evitam a inflamação, como a água termal, hidratantes ou pomadas com corticoides após as sessões.

Para tratar esse tipo de mancha pode ser indicado desde o uso de dermocosméticos clareadores até a realização de peelings e lasers (como a luz intensa pulsada, Nd YAG, lasers fracionados ou laser de picosegundos). Ainda pode ser prescrito o uso domiciliar de ativos tópicos clareadores, como hidroquinona e alfa hidroxiácidos, além disso podem ser associados o ácido kójico, alfa arbutin, entre outros.

A escolha da terapia vai depender de vários fatores, como o grau de hiperpigmentação, a cor da pele, tempo das manchas e causa. Converse com seu dermatologista!

Fonte: publicado originalmente no Blog Viva Bem do UOL.